Notícias

 

9 de Dezembro Dia Internacional Contra a Corrupção

 

Nações Unidas, Praia, 09 de Dezembro de 2015 - Para assinalar a efeméride em Cabo Verde, o Ministério da Justiça em parceria com o Escritório das Nações Unidas Contra a Droga e o Crime (ONUDC) e o Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento (PNUD), realizou esta manhã uma conferência intitulada “A percepção da corrupção e o papel de cada um na acção global contra a corrupção”.

Na abertura, a Coordenadora Residente do Sistema das Nações Unidas em Cabo Verde, Ulrika Richardson, destacou que "o Dia Internacional Contra a Corrupção, mais do que uma efeméride, constitui uma oportunidade para as Nações Unidas e estados membros, reforçarem a sua mensagem relativamente aos danos e impactos desastrosos que a corrupção tem no processo de desenvolvimento de cada país. Estarmos aqui hoje, reunidos mais uma vez, a volta da temática ‘prevenção e combate à corrupção’ no quadro da campanha mundial contra a corrupção. Esta atividade nacional testemunha a relevância que Cabo Verde atribui à luta contra a corrupção, como uma forma de acelerar o desenvolvimento.

"A nova Agenda para o Desenvolvimento Sustentável no horizonte de 2030,  - o novo compromisso para acabar com a pobreza e garantir uma vida digna para todos- reconhece isto, e assim apela claramente para combater a corrupção em todas as suas vertentes e para a necessidade de desenvolver instituições eficazes, responsáveis e transparentes em todos os níveis neste combate. Também apela a reduções significativas nos fluxos financeiros ilícitos, bem como para a recuperação de ativos desviados" , acrescentou.

Por seu lado, o Ministro da Justiça, Dr. Jose Carlos Correia afirmou que “A corrupção afecta, de forma determinante, o respeito pelos direitos fundamentais da pessoa e configura desvio para outros fins dos recursos que deviam ser colocados em benefício do desenvolvimento de todos”, apelando aos sectores público e privado do país a estabelecerem um pacto nacional que possibilite prevenir e combater a corrupção em Cabo Verde.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Share |