Notícias

 

Estudo sobre o Mercado de Microfinanças em Cabo Verde apresentado no quadro da VI Semana Nacional de Microfinanças

Nações Unidas, 29 de Novembro de 2018 -Apresentado esta manhã o Estudo sobre o Mercado de Microfinanças em Cabo Verde., no âmbito da VI Semana Nacional de Microfinanças que decorre de 26 a 30 de novembro, um documento elaborado, pelo PNUD no quadro da implementação do Programa Conjunto “Emprego, Empregabilidade e Inserção” executado pela OIT e pelo PNUD e financiado  pela Cooperação Luxemburguesa.

O referido estudo aponta como um dos principais resultados o facto de Cabo Verde estar num bom caminho no que diz respeito a questão da inclusão financeira. De acordo com a consultora Henriquieta Hunguana “Mais de metade da população esta financeiramente incluída, mas claro que não é suficiente e o desafio continua a ser envolver cada vez mais pessoas”.

Outra conclusão que se tira deste estudo, é o facto de ser necessário “alargar o leque de produtos e serviços que são oferecidos à população de baixa renda” acrescenta.

Ciente que as microfinanças são um instrumento poderoso de promoção de oportunidade de emprego e rendimento para as camadas menos favorecidas da sociedade e em decorrência de luta contra a pobreza, o Governo com o suporte da cooperação internacional comprometeu-se a desenvolver sinergias com vista a criação das condições favoráveis para estimular o desenvolvimento do setor das microfinanças e reforçar as parcerias para a redução sustentada da pobreza, através da promoção do acesso aos serviços financeiros inclusivos.

Neste sentido, nos últimos anos têm sido redobrados esforços no sentido de criar um quadro legal adequado ao desenvolvimento do setor, a destacar a Lei de Microfinanças e os decretos de aplicação e a Estratégia Nacional de Microfinanças.

Nesta mesma linha, foram criados, recentemente o Gabinete de Supervisão das Microfinanças no Banco de Cabo Verde e a Unidade de Promoção e Desenvolvimento do setor de Microfinanças em Cabo Verde, duas entidades cujo objetivo é o de garantir e apoiar o bom funcionamento e desenvolvimento do setor em parceria com outros atores da área.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Share |