Notícias

 

UNIDO apoia o Fundo de Capital de Risco para as Pequenas e Médias Empresas

Nações Unidas, Praia, 06 de Fevereiro de 2014 - Na sequência da realização da primeira “Cimeira Africana da Inovação em Africa”, que decorre de 04 a 06 de Fevereiro na cidade da Praia ,foi lançado no dia 06 de Fevereiro o Fundo de Capital de Risco para Pequenas e Médias Empresas (PME), na Assembleia Nacional.

O objectivo do Fundo é ser uma solução sustentável que permite o acesso ao capital e acompanhamento técnico necessário para a implementação e expansão de projectos e contribui para o desenvolvimento do sector privado, nomeadamente as start-ups e PME, em sectores de elevado potencial de crescimento.

Durante o evento de lançamento, o Sr. Victor Djemba, representante regional da Organização das Nações Unidas para o Desenvolvimento Industria (UNIDO) , declarou que a criação deste Fundo, constitui um ingrediente precioso para o sector privado Cabo-verdiano, frisando como “este veículo de financiamento, como sublinhado no estudo de viabilidade para um Fundo de Venture Capital, será economicamente e financeiramente viável, e permitira maiores investimentos no âmbito do sector privado, estimulando o aumento de empreendedorismo, apoiando assim a realização da Agenda de Transformação Socio -Económica do país. Ainda segundo Victor Djemba, a criação deste Fundo, terá impactos substanciais na criação de novos postos de trabalho, proporcionando um maior crescimento económico  para o desenvolvimento inclusivo e sustentável.

Por sua vez, o Ministro do Turismo, Industria e Energia, Sr. Humberto Brito, declarou que o desenvolvimento deste instrumento financeiro é fundamental para a densificação do tecido empresarial cabo-verdiano, permitindo ao mesmo tempo um maior acesso ao crédito para as empresas e uma maior confiança por parte dos operadores do sector financeiro, sobretudo os bancos.

O evento constituiu uma oportunidade para o presidente da Agência para o Desenvolvimento Empresarial e Inovação (ADEI), Sr. Frantz Tavares, apresentar e debater com os participantes presentes, o funcionamento e o potencial retorno do fundo, bem como os requisitos para se investir no mesmo.

O Fundo será gerido por uma Sociedade de Gestão Financeira a ser criada para o efeito, e contará com um estreita parceria da ADEI na identificação e prestação de assistência técnica às pequenas e médias empresas com potencial de crescimento, inovação, criação de empregos e sustentabilidade.
Da realçar que este Fundo foi promovido pelo Governo de Cabo Verde, através da ADEI, com o apoio da UNIDO.

 

 


Share |