Notícias

 

Agricultores locais fornecem produtos no âmbito do Programa Conjunto Apoio à SegurançaAlimentar e Nutricional nas Escolas

Nações Unidas, Praia, 30 de Maio de 2014 - No quadro do Programa Conjunto das Nações Unidas “Apoio à Segurança Alimentar e Nutricional nas escolas”, baseado nas experiências piloto de abastecimento das cantinas escolares, a partir da produção local, foi lançado um concurso a nível nacional, para aquisição de vinte toneladas (20 000 Kg) de feijão nacional para abastecer as cantinas escolares. Inicialmente participaram dois fornecedores da ilha do Fogo, que se predispuseram em fornecer cerca de seis toneladas, seiscentos e setenta e cinco quilos de feijão (6 675 Kg). Neste sentido, foi desenvolvido todo o processo administrativo, bem como de verificação de qualidade, através de análises sensoriais e laboratoriais, verificando a qualidade do produto para o consumo, processo esse que foi conduzido pela ARFA, com o apoio dos inspectores da Delegação do MDR do Fogo.

Ultrapassado os processo administrativo, foi momento de passara à pratica, e as entregas dos feijões foi feito em dois momentos, sendo um no armazém concelhio dos Mosteiros e outro no armazém concelhio de São Filipe. No acto de entrega participaram para além dos elementos que compuseram a equipa da missão, as autoridades municipais locais, e outras entidades locais, FICASE seus parceiros que trabalham implementação do Programa Nacional de Alimentação Escolar (PNAE).

Ainda no Fogo, os membros da delegação deslocaram-se a  algumas zonas de produção de feijão, como  nos Mosteiros e Santa Catarina do Fogo, onde foi constatado in loco as possibilidades e  potencialidades da ilha para abastecer as cantinas escolares. Os agricultores das outras ilhas puderam constatar também a forma como é produzido o feijão naquela ilha. Por fim, o programa terminou com uma visita ao centro de pós colheita do Fogo e algumas queijarias da ilha.

Estando presente representantes de varias ilhas, o momento foi oportuno para realizar uma sessão de partilha de informações e trocas de experiências entre os agricultores das ilhas de Santiago, Santo Antão, São Nicolau, Brava e Fogo.

A Missão de acompanhamento contou com as participações da FICASE, da Equipa técnica do Programa Conjunto, da FAO, do Ministério do Desenvolvimento Rural (MDR), da Agencia de Desenvolvimento Empresarial e Industrial (ADEI), da Autoridade Reguladora das Aquisições Públicas (ARAP), da Agência de Regulação e Supervisão de Produtos Farmacêuticos e Alimentar (ARFA), dos Agricultores das ilhas de Santiago, Santo Antão, São Nicolau, Brava e Fogo, das Delegações do Ministério da Educação e Desporto (MED) e Ministério do Desenvolvimento Rural (MDR) nos concelhos do Fogo.

Este Programa Conjunto conta com financiamento da Cooperação Luxemburguesa e é executado por agências das NU em Cabo Verde (FAO, OMS, UNICEF, PAM) em conjunto com o Ministério Saúde e o Ministério da Educação e Desporto, através da Fundação Cabo-verdiana de Acção Social Escolar .

 

 

 


Share |